Produção

 

O trabalho da produção tem início com a preparação dos viveiros e análise da pós-larva. Durante a fase de cultivo, são feitas análises de parâmetros zootécnicos que possibilitam definir ações para melhoria da produção, como a aplicação de probióticos para aumentar a qualidade da água e da ração, permitindo o desenvolvimento de um ambiente aquático saudável.

Periodicamente, com acompanhamento do Idema, é realizado um monitoramento da qualidade da água dos viveiros e do estuário, garantindo a manutenção das condições ideais nos mesmos.

A empresa, que atua com o sistema de cultivo semi-intensivo, vem desenvolvendo testes com o sistema intensivo (com larvas SPF e foco em biossegurança), trabalhando de forma organizada, com suporte de pesquisa, tecnologia de ponta e equipe técnica qualificada, para produzir de forma sustentável, preservando o meio ambiente e evitando impactos ambientais.

Despesca

Esse processo inicia antes mesmo da abertura das comportas dos viveiros, com uma avaliação do histórico desses locais. A forma como é realizada a despesca é fundamental para a manutenção da qualidade do camarão, tanto no que se refere a sua aparência quanto a seu sabor.

Antes da retirada do camarão dos viveiros, são observados alguns parâmetros, como peso, a textura da casca, entre outros. O processo é feito mecanicamente, o que garante a manutenção da qualidade do produto. Após essa etapa, os viveiros passam por uma vistoria minuciosa, segundo padrões de biossegurança, com o intuito de destinar corretamente os possíveis rejeitos.

 

Rua José Tomaz Ferreira Campos, 2155,Candelária - CEP 59066-160, Natal - RN - Brasil
Fone: +55 (84) 4008-0448 Fax: +55 (84) 4008-0449